Nos pênaltis, Andraus conquista a Terceira Divisão

Andraus comemorando o título da Terceirona do Paranaense 2014. (Foto: Federação Paranaense de Futebol)
Andraus comemorando o título da Terceirona do Paranaense 2014. (Foto: Federação Paranaense de Futebol)

Na tarde deste domingo, o Andraus Brasil recebeu o Pato Branco EC em duelo válido pela segunda e última partida da grande decisão da Terceira Divisão do Campeonato Paranaense 2014. Precisando da vitória, o Andraus entrou em campo no Ecoestádio com a ideia de partir para cima do Tricolor do Sudoeste. Em um jogo eletrizante, o Andraus garantiu o título nos pênaltis e comemorou a primeira conquista da história da equipe campo-larguense.

Durante boa parte do primeiro tempo, as duas equipes se mostraram muito nervosas, sem conseguir aproveitar as oportunidades criadas. O Andraus viu a sua situação complicar quando Sidclei foi expulso no começo do primeiro tempo. Com a desvantagem numérica, o Andraus tentava atacar, mas não conseguia dar o último passe com qualidade para que seus homens de frente pudessem incomodar a zaga do Tricolor. No final da etapa inicial, Marcelo Augusto aproveitou o vacilo da zaga campo-larguense e abriu o placar para os visitantes.

No começo da etapa final, precisando vencer, o Andraus partiu desesperadamente para o ataque e aos oito minutos, os campo-larguenses tiveram a chance de empatar com Wellington Baroni, que converteu a cobrança de pênalti e igualou o marcador. A equipe mandante se empolgou com o empate e perseguiu a virada, que veio aos 28 minutos, quando Juninho conseguiu lindo chute e deixou o Andraus em vantagem com 2 a 1 no placar.

Mesmo com o 2 a 1, o Andraus ainda precisava marcar mais um gol para garantir a chance de disputar o título nos pênaltis. E a equipe campo-larguense pressionou o Pato Branco até que aos 42 minutos, Wellington Baroni conseguiu anotar o terceiro do Andraus, garantindo a disputa do título da Terceira Divisão do Campeonato Paranaense 2014 nos pênaltis.

Nos pênaltis, Barbosa, Wellington Baroni, Juninho e Bruno converteram suas cobranças para o Andraus. Dan e Léo Furtado marcaram pelo Pato, mas Pedro Henrique e Dodô não conseguiram converter, garantindo a vitória do Andraus por 4 a 2 na cobrança de penalidades.

11 comentários em “Nos pênaltis, Andraus conquista a Terceira Divisão

  1. Como torcedor do andraus, não apoio o chute que o presidente do andraus deu na porta do vestiário da arbitragem no intervalo do jogo ameaçando o juiz e os bandeiras para que seu time ganhasse. Apoio muito menos o que um do trio falou “então eu também quero ganho o meu”. Pronto, ai já deu pra ver que estava tudo acertado para o segundo tempo.
    E não aprovo o soco que o presidente do andraus deu no rosto do pai do goleiro do pato branco, sendo que a polícia não fez nada, e o árbitro expulsou o goleiro que tentou defender seu pai. Mas é isso ai, o dinheiro compra tudo até um misero título de série C.

  2. Não entendo porque alguns comentários está sendo excluídos. A verdade é que o andraus comprou o trio de arbitragem no fim do primeiro tempo, mas nem a federação e nem este blog relata o porque o goleiro foi expulso. Já o pato branco foi roubado ano passado quando o são josé jogou com jogador irregular e não perdeu os pontos e este ano com toda essa palhaçada que aconteceu na final, incluindo uma penalidade fora da área.

  3. Tenho que admitir, mesmo sendo torcedor do Andraus, a penalidade durante o segundo tempo que resultou em gol do meu time foi fora da área. A televisão mostrou nitidamente.

  4. E sem falar no chute na porta do vestiário da arbitragem no intervalo do primeiro tempo onde o presidente do andraus novamente ameaçou a arbitragem e um do trio de arbitragem respondeu: “então eu tenho que ganhar o meu também”.
    O presidente do Andraus deu um soco na cara do pai do goleiro do pato branco causando a expulsão do goleiro, e a polícia não fez nada porque o cara tava cheio de seguranças.
    Lamentável o que o dinheiro e os maus fizeram nesta partida.

  5. O choro é livre. A verdade é que o time do Pato Branco estava apático, não aproveitou a vantagem numérica nem a do placar. E o Andraus teve mais garra, além de contar com jogadores mais criativos. Parabéns ao time campolarguense.

  6. Faltou dizer que os jogadores do pato branco foram ameaçados pelos dirigentes do andraus antes do jogo, e que a arbitragem foi pressionada pelos dirigentes do andraus durante o intervalo.

  7. Faltou dizer na reportagem que o presidente do andraus agrediu o pai do goleiro do pato branco no início do segundo tempo, causando a expulsão do goleiro. E que essa atitude antidesportiva foi decisiva para que o pato perdesse o jogo e levasse a decisão para as penalidades!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s